SEJA ÉTICO

SEJA ÉTICO: Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução do conteúdo deste blog com a devida citação de sua fonte.

domingo, 2 de dezembro de 2012

Agente 86


Agente 86 era uma das séries que eu assistia quando criança. Eram já as reprises, que a TV exibia, mas continuavam muito engraçadas, como, aliás, continuam até hoje. A série teve início na TV dos EUA em 1965, em plena Guerra Fria, quando o Agente 007 fazia sucesso no cinema. E é justamente esse período de tensão no mundo, com a disputa entre o lado capitalista e o comunista, agentes secretos e equipamentos ultra modernos para espionagem e contra-espionagem, que a série satirizava. O atrapalhado Agente 86, Maxwell Smart (Don Adams), com a ajuda da Agente 99 (Barbara Feldon) pertenciam à secreta organização C.O.N.T.R.O.L.E., dirigida por... Chefe (era assim mesmo que ele era conhecido!), vivido pelo ator Edward Platt. Entre os mais engraçados e utilizados equipamentos da série estavam o sapato-fone, usado pelo Agente 86, e o cone-do-silêncio, em que ele e o Chefe tinham as suas conversas mais secretas, sempre com muita confusão, claro. Eles combatiam a organização criminosa K.A.O.S., com o agente Siegfried (Bernie Kopell), um alemão com um jeitão nazista. Eu fiz questão de comprar as cinco temporadas completas e seus 138 episódios para poder assistir sempre que der vontade, afinal a TV já não reprisa mais. Para que os leitores do blog possam conhecer, ou rever, um pouco do Agente 86, o vídeo é do episódio 25 da  segunda temporada, “Espião por Distração”. Em especial, reparem na abertura da série e a marcante música, sensacional. Assista e divirta-se! fr
 

Nenhum comentário: