SEJA ÉTICO

SEJA ÉTICO: Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução do conteúdo deste blog com a devida citação de sua fonte.

terça-feira, 5 de julho de 2016

Botafogo bi-campeão carioca em 1968

Em 1968, o Botafogo foi bi-campeão Carioca (do então estado da Guanabara), bi-campeão da Taça Guanabara (competição à época separada) e campeão da Taça Brasil, título reconhecido como campeão brasileiro pela CBF em 2010. O Campeonato Carioca de 1968 foi disputado em dois turnos. No primeiro, dividido em dois grupos (A e B), cada um com seis clubes, em que todos se enfrentaram. No turno final, com os oito melhores, quatro de cada grupo, em que o campeão seria aquele com o maior número de pontos. O Botafogo foi campeão vencendo 15 jogos, empatando dois e perdendo apenas um. No turno final, venceu todos os adversários. Fez 40 gols, e sofreu somente 10, dois no turno final, tendo a melhor média de gols de todo o campeonato (30), dez gols à frente do segundo melhor, o Flamengo. O artilheiro da competição foi o atacante Roberto, do Botafogo, com 13 gols. Melhor ataque, melhor defesa. Foi um domínio incontestável! fr
GRUPO A (TURNO CLASSIFICATÓRIO)
1x0 Madureira (09/3)
3x1 Portuguesa (20/3)
1x1 Fluminense (24/3)
2x2 América (27/3)
4x1 São Cristóvão (30/3)
2x0 Olaria (03/4)
5x0 Bonsucesso (06/4)
1x0 Flamengo (14/4)
3x1 Bangu (21/4)
0x2 Vasco da Gama (28/4)
1x0 Campo Grande (02/5)
TURNO FINAL
2x0 Madureira (05/5)
3x0 América (11/5)
2x0 Bonsucesso (15/5)
3x1 Fluminense (25/5)
2x1 Bangu (29/5)
1x0 Flamengo (02/6)
4x0 Vasco da Gama (09/6)
 
JOGO DO TÍTULO: BOTAFOGO 4 x 0 VASCO DA GAMA
Data: 9/6/1968
Local: Maracanã
Público: 141.689 (120.178 pagantes)
Renda: Ncr$ 513.379,25
Árbitro: Armando Marques
Auxiliares: Antonio Viug e Amilcar Ferreira
Gols: 1° tempo: Roberto e Rogério; 2º tempo: Jairzinho e Gérson
BOTAFOGO: Cao, Moreira, Zé Carlos, Leônidas e Waltencir; Carlos Roberto e Gérson; Rogério, Roberto, Jairzinho e Paulo César Lima. Treinador: Zagallo.
Vasco da Gama: Pedro Paulo, Jorge Luiz, Brito, Ananias (Sérgio) e Ferreira; Bougleux e Danilo Menezes; Nado (Alcir), Ney, Walfrido e Silvinho. Treinador: Paulinho de Almeida.
.
video

Nenhum comentário: